Atuação do corretor de seguros segue fortalecida no mercado

Dirceu Tiegs, presidente da Lojacorr / Foto: Divulgação
Dirceu Tiegs, presidente da Lojacorr / Foto: Divulgação

Palestra no Conec 2023 com o presidente da Lojacorr, maior rede de corretoras de seguros do país, Dirceu Tiegs, mostra o papel indispensável do corretor de seguros mesmo em meio à inovações

Na última semana, entre os dias 5 e 7 de outubro, aconteceu o Conec 2023, maior evento do mercado de seguros da América Latina e trouxe reflexões e soluções para o corretor de seguros. Nos três dias do evento, que reuniu mais de 10 mil profissionais do mercado de seguros, foi possível observar que quem está desenvolvendo essas habilidades segue no caminho certo na busca de conhecimentos, nas melhorias da atuação do profissional, no acesso a soluções, relacionamento e uso adequado da tecnologia. Inclusive, o encontro tranquilizou aqueles que estavam com receio de que a profissão do corretor de seguros pudesse ser substituída pela tecnologia.

Das palestras do evento, talks e bate-papos com os especialistas, todos foram unânimes: o seguro é feito de pessoas, para pessoas e com pessoas. A tecnologia está para inovar a forma de trabalhar e facilitar a rotina de trabalho. Esse também foi o ponto de vista de Dirceu Tiegs, presidente da Lojacorr, maior rede de corretoras de seguros do Brasil. Na oportunidade da sua palestra, apresentada no sábado, “Como transformar sua corretora em uma máquina de vendas”, o gestor explicou como a empresa tem auxiliado o corretor a canalizar a sua atuação na prospecção e atendimento do segurado. Segundo ele, nos 27 anos de atuação da Lojacorr, houveram muitas ameaças à profissão e nenhuma delas chegou perto de substituir a preferência do consumidor pela consultoria do corretor. “Isso é muito porque a sociedade não sabe adquirir o seguro sem o auxílio do profissional, devido a diversos fatores. Há inúmeros produtos disponíveis pelo mercado, mas também cada realidade familiar ou corporativa é única”, explica.

Tiegs lembrou ainda da última pesquisa mundial da Capgemini com 12 mil consumidores entrevistados, além de corretoras e seguradoras. Todos os produtos apresentaram aumento do índice de interesse na intenção de compra. Inclusive alguns pontos destacados pela pesquisa foram que as pessoas querem a conveniência do acesso à sua apólice, a consultoria de um corretor ou agente de seguros e a rapidez no tempo de respostas. “Isso mostra que poucos são os clientes confiantes ao adquirir um seguro em canais digitais de distribuição. O mesmo acontece em relação às garantias estendidas de produtos em lojas de varejo, por exemplo. Cerca de 27% contratam quando recebem a oferta de um vendedor, mas apenas 1,6% adquirem a garantia em canais digitais”, complementa.

Perspectiva para corretoras

Mais uma oportunidade de negócio para o corretor de seguros está no fechamento exponencial das agências bancárias, que eram responsáveis por uma parcela considerável de venda de seguros de automóvel e residencial. “Com a migração dos clientes de banco para os canais digitais, abre-se uma porta para o corretor vender esse seguro antes comercializado nas agências. Isso mostra que o modelo figital (físico + digital) se fortalece. O que apresenta mais uma prova de que o corretor vai existir sempre”, afirma o presidente.

Segundo Tiegs, esse foi um Conec que mostrou muito mais as oportunidades que as ameaças para o futuro do corretor. “Assim como todos estão falando sobre o fortalecimento da figura do corretor, nós da Lojacorr trabalhamos para universalizar o acesso ao seguro e empoderar o profissional para que sejam admirados pela sociedade”, acrescenta.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Prev
Calor no Dia das Crianças: seguro empresarial ajuda a resguardar faturamento de sorveterias no feriado
Calor no Dia das Crianças: seguro empresarial ajuda a resguardar faturamento de sorveterias no feriado / Foto: Prostooleh / Freepik

Calor no Dia das Crianças: seguro empresarial ajuda a resguardar faturamento de sorveterias no feriado

92% do setor é formado por micro e pequenas empresas, reforçando a importância

Next
Redbelt alerta sobre vulnerabilidades críticas em sistemas da Microsoft, Zoho e GitHub
Marcos de Almeida, gerente de Red Team da Redbelt / Foto: Divulgação

Redbelt alerta sobre vulnerabilidades críticas em sistemas da Microsoft, Zoho e GitHub

Relatório feito pela consultoria especializada em cibersegurança destaca também

You May Also Like