Black Friday 2023 cresce 2,1% impulsionada pelo e-commerce que subiu 14,1%, de acordo com o ICVA

NielsenIQ |Ebit: vendas do e-commerce na Black Friday caem 23% / Foto: Pixabay
Foto: Pixabay

Vendas físicas registraram alta de 0,7%; Faturamento não alcançou o nível do período pré-pandemia, mas chegou perto

As vendas na Black Friday 2023 cresceram 2,1% em comparação com igual período do ano passado, de acordo com o Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA). O destaque foi o e-commerce, com alta de 14,1%; enquanto as físicas registraram alta de 0,7%. A análise considerou as vendas realizadas no dia 24 de novembro deste ano ante 25 de novembro do ano passado.

Os segmentos que mais se destacaram foram Cosméticos e Higiene Pessoal e Turismo e Transporte, com 18,8% e 15,2% de crescimento, respectivamente. Na sequência, aparecem Óticas e Joalherias e Móveis e Depto, ambos com 11,0%. Dos principais setores movimentados pela Black Friday, o de Livrarias e Papelarias foi o que apresentou a maior retração, com queda de 2,8%. Supermercados e Hipermercados (-1,9%) e Materiais para Construção (-1,2%) também registraram baixa.

Em termos nominais, que não consideram os efeitos da inflação, o resultado da Black Friday 2023 ficou apenas 0,8% abaixo do faturamento da data em 2019, antes da pandemia do coronavírus.

“A performance do Varejo na sexta-feira da Black Friday foi ainda melhor do que a observada ao longo do mês de novembro, ocasião em que já havia sido positiva. A data, mais uma vez, reforçou o papel do e-commerce, principal indutor das vendas no comércio nesse período. Ano após ano, o segmento registra crescimento acima de dois dígitos”, afirma Carlos Alves, vice-presidente de Tecnologia e Negócios da Cielo.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anterior
Vendaval em Brasília reforça importância de ter um seguro adequado

Vendaval em Brasília reforça importância de ter um seguro adequado

Vendaval em Brasília: Cidade se recupera após tempestade inesperada

Próximo
Dicas para um fim de ano com bolso mais folgado
Dicas para um fim de ano com bolso mais folgado / Divulgação

Dicas para um fim de ano com bolso mais folgado

Gastos extras costumam aumentar com a proximidade das festas de fim de ano; Wise

Veja também