Como entrevistar um candidato para contratar certo [+7 perguntas]

Tem dificuldade na hora de entrevistar? Quer saber como entrevistar um candidato para não errar mais? Pode ficar tranquilo que a gente te ajuda!

Nós sabemos como recrutamento e seleção às vezes pode ser um grande desafio no dia a dia da empresa. Todo mundo quer contratar bem, mas como acertar na escolha?

A verdade é que na hora da entrevista as coisas já estão mais acirradas, porque muito provavelmente você já recusou aqueles candidatos que não tinham as habilidades que você precisa e só ficaram os que mais se encaixam na vaga.

Essa é uma escolha difícil, mas contratar o candidato certo vai fazer toda a diferença, e para isso separamos aquilo que você precisa fazer para não errar mais nas contratações.

Quer ver? Olha só o que preparamos:

Será que a entrevista é tão importante assim?

Dica: a resposta é sim.

Mas por quê?

Bom, existem várias etapas no recrutamento e seleção: entender os requisitos da vaga, divulgar, ver os currículos, e por aí vai, cada uma com seus objetivos.

Com a entrevista não é diferente.

É importante entendermos quais são esses objetivos para poder trabalhar cada fase da melhor forma possível. Elas precisam ser pensadas em conjunto para que a empresa tenha uma visão completa de quem é o candidato e possa tomar uma decisão sem medo.

Pra que isso aconteça, a entrevista tem 3 objetivos principais:

1) Conhecer (de verdade) o candidato

O currículo é uma parte essencial do processo de contratação e funciona como um outdoor, apresentando informações importantes de forma breve. Mas só isso não é o suficiente para saber se aquele candidato é o melhor pra empresa.

Todas as fases juntas vão compondo um perfil completo do candidato e dão base para a melhor decisão possível, tanto para a empresa quanto para o profissional.

Na hora da entrevista, o entrevistador pode e deve tomar como base a descrição da vaga e o currículo do candidato para comparar e se aprofundar nas informações que ele já apresentou.

Por exemplo, o currículo mostra onde ele trabalhou e o que ele fez, mas é na entrevista que você pode entender como essas funções se relacionam com as habilidades que ele tem e, principalmente, como isso é útil para a sua empresa.

2) Conhecer o candidato como pessoa

Uma contratação bem sucedida depende de muito mais que um currículo bem escrito. Existem coisas importantes para a empresa que só percebemos na hora de conhecer a pessoa de verdade.

Aqui fica um alerta: a entrevista não deve ser invasiva nem tocar em assuntos muito pessoais, porém, é importante conhecer o candidato como pessoa: suas ambições, valores, visão e caráter.

Mantenha sempre o respeito e não ultrapasse barreiras, mas entenda que é importante ir além da parte técnica – a entrevista é um diálogo.

Uma contratação de sucesso acontece quando o candidato tem as capacidades técnicas necessárias para a função, mas que também seja uma boa adição ao ambiente corporativo e que se encaixe na cultura da empresa, o tão conhecido fit cultural.

3) Apresentar a empresa e o cargo ao candidato

Aqui vai uma notícia: o entrevistador também está sendo entrevistado.

Hoje em dia, os candidatos têm se preparado cada vez mais para as entrevistas: eles pesquisam sobre a empresa, querem saber mais sobre a função, plano de carreira, e muito mais.

Pode ficar tranquilo que isso é algo bom! Um candidato que se interessa tanto mostra o desejo de estar ali, mostra ser esforçado e preparado, mas tudo isso pode desmoronar se o entrevistador não estiver bem preparado.

O entrevistador está ali representando a empresa, e essa é uma oportunidade de apresentar aquilo que vocês têm de melhor. Pra isso é preciso estar bem preparado para receber esses candidatos.

Mas como fazer todo esse processo dar certo?

Como conduzir uma entrevista para contratar bem

A entrevista é uma das melhores oportunidades que a empresa tem de acertar em cheio na contratação, mas pra isso acontecer existem alguns passos que não podem ficar de fora.

Quer saber como entrevistar um candidato para contratar bem? Olha só como fazer:

1) Se planeje e esteja bem preparado

Marque a entrevista na agenda e dê a atenção que ela precisa. Imagina só a imagem que o candidato irá ter da empresa se o entrevistador chegar atrasado, ficar olhando o celular ou parecer que quer acabar logo?

Uma das principais tendências de RH atuais é a experiência do candidato. Cuidar de como os candidatos percebem e se relacionam com a empresa nesse momento é essencial para o sucesso da contratação.

Para isso, outra coisa importante é que o entrevistador esteja bem familiarizado com a vaga, aquilo que a empresa precisa, a cultura organizacional e aquilo que está no currículo do candidato.

Essa é a chave para uma entrevista bem sucedida. Então, a preparação é o primeiro item da lista se você quer saber como entrevistar um candidato da melhor forma possível.

2) Crie um ambiente confortável

Pense o seguinte: tanto a empresa quanto o candidato querem que a entrevista seja um sucesso.

Quem nunca foi fazer uma entrevista e ficou nervoso? Para evitar essa situação para as duas partes, a melhor estratégia e procurar deixar tudo mais tranquilo e humano.

Se o entrevistador se colocar no lugar do candidato e criar um ambiente confortável onde esse diálogo possa fluir, tudo vai sair muito melhor.

Procure quebrar o gelo, oferecer uma água ou café e mostrar empatia. Com certeza a empresa só tem a ganhar se o candidato estiver à vontade.

3) Vá direto ao ponto

Saber equilibrar o diálogo natural e ir direto ao ponto é um grande desafio, mas vale a pena! Lembre-se de valorizar o tempo do candidato – e o da empresa também.

4) Planeje (muito bem) as perguntas

Uma das maiores preocupações de quem vai entrevistar alguém é quais perguntas fazer. Nossa dica é: não improvise (totalmente).

Tenha algumas perguntas já organizadas, mas se você quer saber como entrevistar um candidato também vai precisar fazer alterações conforme a entrevista se desenvolve.

Pense sempre no que é relevante para o cargo e para a empresa e em perguntas que vão te ajudar a entender melhor quem é o candidato e o que ele sabe fazer.

Quer uma ajudinha? Olha só algumas perguntas que vão ser úteis nesse planejamento:

7 perguntas de entrevista que não podem faltar

1) Fale um pouco sobre você

Pode parecer um pouco contraditório, porque essa é uma pergunta bastante genérica, mas esse tipo de pergunta inicial é ótima para quebrar o gelo e permitir que o candidato se apresente com mais liberdade.

Uma dica: Explore temas como hobbies, o que ele gosta de fazer fora do horário de trabalho e interesses pessoais sem ser pessoal demais.

2) Quais são seus objetivos profissionais?

Depois de quebrar o gelo e deixar o ambiente mais tranquilo, é hora de começar a falar de trabalho.

Parte de saber como entrevistar um candidato é entender quando encerrar uma pergunta e partir para a outra. Não precisa cortar o assunto, mas não esqueça que o entrevistador precisa conduzir o momento.

Na hora de perguntar sobre os objetivos profissionais, tenha em mente duas coisas:

1) As ambições profissionais falam muito sobre a visão de futuro e do desejo de crescer;

2) mostram como sua empresa se encaixa nessa visão.

Ter essas informações é importante para saber se a empresa pode ou não investir nesse profissional a curto, médio e longo prazo, e como ele se encaixa na estratégia como um todo.

3) Por que você deixou seu antigo emprego?

Vamos falar a verdade: essa pergunta não é das mais agradáveis de se responder.

Dependendo da situação, pode ser que seu entrevistado tenha tido algum problema na antiga empresa, tenha sido demitido ou só esteja querendo novas oportunidades. Em todo caso, ouvir como ele fala dos seus antigos colegas e antigo emprego pode revelar bastante coisa.

4) Quais seus pontos fortes e fracos?

Chegamos à pergunta mais clássica de todas, e uma das mais difíceis de responder, mas que deve ser feita!

Um pouco de autoavaliação faz bem pra todo mundo, mas muito mais que isso, observe se o candidato consegue enxergar seus pontos fortes e fracos e se sabe lidar com eles.

Fique atento à respostas prontas como “ser perfeccionista demais” ou “ser dedicado demais” e busque sinceridade e exemplos concretos para tirar boas conclusões, principalmente se ele falar como lidou com esses desafios.

5) Como sua experiência pode ser relevante para a vaga?

Essa pergunta pode ficar de fora caso esse seja o primeiro emprego do candidato, mas não deixe de perguntar caso ele só tenha experiência em outras áreas não relacionadas à vaga. Experiências em outros ramos podem acrescentar muito à sua empresa.

Esse tipo de pergunta é muito importante e revela a capacidade do candidato de refletir sobre seu trabalho e mostrar como ele pode contribuir pro crescimento da empresa.

Pode ser que essa pergunta tome um pouco mais de tempo, mas as informações que ela traz são muito valiosas na hora de decidir ou não contratar.

6) O que você sabe sobre a empresa?

Pode não parecer, mas essa pergunta fala muito sobre o candidato. Estar informado sobre a empresa e a vaga mostra interesse e desejo de trabalhar ali.

Na verdade, essa é uma dica para todas as perguntas: saber como entrevistar um candidato é saber observar. Procure por sinais de que o candidato se preparou, buscou entender as demandas da vaga, o que a empresa faz, etc. Isso mostra esforço e dedicação!

7) Você tem alguma dúvida sobre a empresa ou a vaga?

A entrevista é um diálogo em que os dois lados precisam participar de forma ativa, e não um questionário que precisa ser respondido. Por isso, é importante deixar que o candidato também faça perguntas.

Esteja aberto a responder de forma sincera e preste atenção nas perguntas que forem feitas, como salário, quais os benefícios disponíveis, como é a rotina da empresa, etc. Essas perguntas podem revelar o interesse do candidato, ou a falta dele!

Saber como entrevistar um candidato é essencial para o sucesso do seu negócio

Sem dúvida a entrevista é um dos pontos principais do processo de recrutamento e seleção. É através dela que a empresa pode conhecer melhor seus candidatos e tomar uma decisão acertada.

Saber como entrevistar um candidato pode ser um desafio, mas queremos te ajudar! Por isso, preparamos um checklist com tudo o que você precisa para contratar a pessoa certa para sua empresa. Você pode baixar ele gratuitamente clicando aqui!

Via: MegaLuzz Negócios

Total
0
Shares
Anterior
Alta rotatividade na empresa e poucos talentos? É hora de parar!

Alta rotatividade na empresa e poucos talentos? É hora de parar!

O que faz alguém ficar ou ir embora da empresa?

Próximo
Diferença entre RH e DP: você sabe qual é?

Diferença entre RH e DP: você sabe qual é?

Todos sabemos que as empresas são divididas em setores

Veja também