O Papel Vital do Contador no Ambiente Empresarial

Daniel Coêlho, Presidente da Fenacon / Foto: Divulgação
Daniel Coêlho, Presidente da Fenacon / Foto: Divulgação

Daniel Coêlho, Presidente da Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas (Fenacon)

Em um mundo corporativo global e altamente competitivo, onde a tecnologia reina nas profissões, a figura do contador assume uma relevância crescente para as empresas. Além de ser o guardião da saúde financeira da organização, com responsabilidades que abrangem a emissão de demonstrativos de resultados, faturamento, balanço financeiro e até mesmo a folha de pagamento de colaboradores e funcionários, o contador moderno também deve estar atento às constantes mudanças que ocorrem no mercado, indo além de sua profissão.

Isso se deve ao fato de que, nos dias de hoje, todos os profissionais precisam ampliar seus horizontes e compreender outras áreas além de suas especialidades. Especificamente no caso do contador, cujo dia é celebrado nesta sexta-feira (22/9), sua atuação é crucial para a saúde financeira da empresa, pois ele é capaz de utilizar recursos tecnológicos que auxiliam na tomada de decisões empresariais.

Além disso, o contador desempenha um papel fundamental ao iniciar uma empresa, sendo o profissional indicado para auxiliar nos procedimentos, aconselhar sobre o regime tributário mais adequado e calcular os impostos devidos. No cenário brasileiro atual, em meio à iminente reforma tributária, a função do contador torna-se ainda mais vital, pois as empresas enfrentarão mudanças significativas na forma como pagam e recolhem impostos em suas transações. Com a extinção de alguns impostos e a criação de outros, a gestão tributária pode se tornar confusa para gestores desatentos. Portanto, o contador desempenhará o papel de orientar a empresa nos passos corretos para minimizar custos e otimizar a gestão do negócio.

É bem sabido que, ao reestruturar um negócio ou iniciar um empreendimento, economizar recursos é sempre vantajoso. Mesmo que, na maioria dos casos, a contratação de serviços contábeis seja obrigatória por lei, é um investimento valioso, pois o contador é o profissional mais capacitado para evitar gastos desnecessários ou indesejados.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anterior
Saiba como enquadrar empresas no Simples Nacional
Saiba como enquadrar empresas no Simples Nacional/ Divulgação

Saiba como enquadrar empresas no Simples Nacional

Razonet Contabilidade Digital auxilia os empreendedores no enquadramento do

Próximo
Feira de empregabilidade para PcDs reúne 8.000 vagas
Foto: Kampus Production/ Pexels

Feira de empregabilidade para PcDs reúne 8.000 vagas

4ª Edição da Inclui PcD acontece de forma online de 20 a 22 de Setembro e

Veja também