Europ Assistance Brasil

Preço médio do frete por km rodado fechou dezembro a R$ 6,22, recuo de 3% ante novembro e de 12% em relação a janeiro de 2023, aponta Edenred Repom

Preço médio do frete por km rodado fechou dezembro a R$ 6,22, recuo de 3% ante novembro e de 12% em relação a janeiro de 2023, aponta Edenred Repom/ Foto: Unsplash
Foto: Unsplash

Recuos no valor do litro do diesel foram um dos fatores responsáveis pela queda no valor do frete

De acordo com dados da última análise do Índice de Frete Edenred Repom (IFR), o preço médio do frete por quilômetro rodado fechou dezembro de 2023 a R$ 6,22 no País, o que representa uma queda de 3% ante novembro e de 12% no comparativo com a média registrada em janeiro de 2023 (R$ 7,07).

“Mesmo com a safra recorde de grãos, os recuos valor do litro do diesel registrados ao longo do ano pelo Índice de Preços Edenred Ticket Log (IPTL), especialmente entre os meses de janeiro a julho, bem como a queda gradual da taxa juros, refletiram em reduções na média cobrada pelo frete ao longo de 2023”, destaca Vinicios Fernandes, diretor da Edenred Repom.

Apesar das reduções durante o ano, o índice aponta que houve aumento de 2% quando comparada a média dos valores praticados em 2023 (R$ 7,29) à média de 2022 (R$ 7,14), por conta dos preços médios praticados nos primeiros meses do ano devido sazonalidade da safra e reflexos na oferta e demanda de caminhões. O mês com maior valor médio no preço do frete foi abril, com R$ 8,36.

O preço do frete deve continuar elevado em 2024, reduzindo-se pouco em relação a 2023, mas ficando abaixo dos preços recordes registrados em 2022. Outros pontos de para possíveis oscilações em 2024 são a safra de grãos que, de acordo com IBGE, deve ser menor neste ano, assim como novas ações de preço da Petrobrás junto as refinarias e a reoneração dos impostos do diesel”, conclui Fernandes.

O IFR é um índice do preço médio do frete e sua composição, levantado com base nas 8 milhões de transações anuais de frete e vale-pedágio administradas pela Edenred Repom. A Edenred Repom, marca da linha de negócios de Mobilidade da Edenred Brasil, há 30 anos é especializada na gestão e pagamento de despesas para o mercado de transporte rodoviário de carga, líder no segmento de pagamento de frete e vale-pedágio com 8 milhões de transações anuais e mais de 1 milhão de caminhoneiros atendidos em todo o Brasil.

Sobre a Edenred Mobilidade

A Edenred é líder em soluções de mobilidade na América Latina, representada no Brasil pelas marcas Edenred Ticket Log e Edenred Repom. Possui mais de 30 anos de experiência no País e conecta pessoas e negócios a uma mobilidade mais eficiente e sustentável. Conta com mais de 33 mil empresas clientes e uma frota gerenciada de 1 milhão de veículos, que abastecem quase 2,5 bilhões de litros de combustível por ano. Apenas em gestão de frete e vale-pedágio, possui mais de 3 mil empresas clientes, 1 milhão de caminhoneiros atendidos que correspondem a 8 milhões de transações anuais, em uma rede de 1.700 postos credenciados e 100% das praças de pedágio em todo o Brasil.

Juntas, desenvolvem e disponibilizam para o mercado o Índice de Preços Edenred Ticket Log (IPTL), com uma análise nacional sobre a variação do preço dos combustíveis, e o Índice de Frete Edenred Repom (IFR), um estudo sobre o preço médio do frete e sua composição.

No mundo, a Edenred é a plataforma digital líder para serviços e meios de pagamento, que atua como a companhia diária para pessoas no trabalho, conectando 60 milhões de usuários e 2 milhões de comerciantes parceiros, em 45 países, por meio de aproximadamente 1 milhão de empresas-clientes.

Total
0
Shares
Anterior
Transporte rodoviário de produtos químicos vislumbra ano promissor em 2024
Transporte rodoviário de produtos químicos vislumbra ano promissor em 2024/ Foto: Unsplash

Transporte rodoviário de produtos químicos vislumbra ano promissor em 2024

Crescente atividade operacional desses produtos impulsiona o avanço e o

Próximo
Preços de órteses, próteses e materiais especiais sobem 1,7% em 2023
Maiores altas no ano envolveram sistema musculoesquelético e articulações (+4,46%), cabeça e pescoço (+2,54%)/ Foto: Freepik

Preços de órteses, próteses e materiais especiais sobem 1,7% em 2023

 Maiores altas no ano envolveram sistema musculoesquelético e articulações

Veja também