Publicada lei que redefine limite de parque da Serra dos Órgãos, no Rio de Janeiro

Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio)
Vista aérea de morros com matas e nuvens no cume
O Parque Nacional da Serra dos Órgãos foi criado em 1939

Entrou em vigor a lei que redefine limites para o Parque Nacional da Serra dos Órgãos, localizado no estado do Rio de Janeiro. A Lei 14.452/22 foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (22).

Originado no Projeto de Lei 8823/17, do deputado Hugo Leal (PSD-RJ), o texto foi aprovado pela Câmara dos Deputados em setembro de 2021 e em agosto deste ano pelo Senado Federal.

O objetivo da norma é incorporar novas áreas com cobertura florestal íntegra e excluir outras ocupadas há décadas. O texto retira do parque áreas ocupadas hoje por produtores rurais do vale do Bonfim, no município de Petrópolis (RJ), e o bairro da Barreira, no município de Guapimirim (RJ). Essas áreas vão compor a Área de Proteção Ambiental (APA) de Petrópolis, existente desde 1992.

Criado em 1939, o Parque Nacional da Serra dos Órgãos preserva um dos últimos refúgios da flora e da fauna da Mata Atlântica. Segundo a lei, o objetivo do parque é proteger o patrimônio histórico, as amostras significativas da mata e sua biota associada, possibilitando a realização de pesquisas científicas, atividades de educação e de interpretação ambiental, recreação em contato com a natureza e turismo ecológico.

Pela norma, a administração da unidade será feita pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), órgão federal ligado ao Ministério do Meio Ambiente. Caberá ao ICMbio promover a desapropriação por utilidade pública das terras e benfeitorias particulares que estiverem dentro dos novos limites do parque.

Artigo Original: Agência Câmara Notícias

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anterior
Sancionada lei que cria programa de orientação sobre uso do SUS para pacientes com câncer de mama

Sancionada lei que cria programa de orientação sobre uso do SUS para pacientes com câncer de mama

Divulgação/Governo de São Paulo Hoje, exames para detecção da doença precisam

Próximo
Fenaprevi: previdência privada soma R$ 88 bilhões em prêmios e contribuições em 2022
Tudo sobre serviços financeiros, seguros e muito mais - Universo do Seguro

Fenaprevi: previdência privada soma R$ 88 bilhões em prêmios e contribuições em 2022

Rio de Janeiro, 22 de setembro de 2022 – O volume de prêmios e contribuições dos

Veja também