Qual a importância do seguro auto e residencial nos casos de chuvas e ventanias fortes?

Qual a importância do seguro auto e residencial nos casos de chuvas e ventanias fortes?/ Foto: Pixabay
Foto: Pixabay

Produtos oferecem proteção contra os gastos que podem surgir devido aos efeitos meteorológicos

O segundo semestre de 2023 ficou marcado pelos fenômenos meteorológicos que atingiram todo o território brasileiro. Fortes ventanias, temporais, apagões e até mesmo um “tsunami meteorológico” atingiram a população, resultando em danos às propriedades, veículos e diversos itens de casa, sobretudo eletrodomésticos. Com a chegada do verão, a previsão é que casos extremos como esses se intensifiquem, já que é uma época conhecida por fortes chuvas e pela queda de raios.

“Em função da chuva extrema e dos fortes ventos, foram registrados muitos casos de telhados arrancados e carros levados pela água, por exemplo. Danos como esses, por mais que possam atingir valores altos de prejuízo, podem estar inclusos na cobertura dos seguros residencial e de automóvel”, explica Marcia Camacho, diretora de operações da Minuto Seguros.

Ainda de acordo com a executiva, por mais que cuidados possam ser tomados para evitar as possíveis perdas de bens, a única maneira de estar totalmente protegido contra os prejuízos é através de um seguro bem abrangente. No entanto, é necessário estar atento ao tipo de serviço contratado, pois não são todos que oferecem cobertura contra essas adversidades.

“É necessário que o cliente entenda quais são suas principais necessidades em relação à casa e/ou ao carro. Ao procurar uma corretora, ela poderá te direcionar para os melhores serviços e que atenda a todas as suas necessidades. Para casos de fenômenos da natureza, é importante buscar uma cobertura que te proteja de eventuais danos que podem ser causados por tais catástrofes”, aconselha Marcia.

A diretora diz que um seguro completo oferece cobertura contra desastres naturais como enchentes, chuvas, ventos, granizo e até ciclones. No caso do residencial, a cobertura se estende aos eletrodomésticos danificados, telhas e até vidros quebrados. Já a apólice para automóveis inclui higienização, consertos gerais e até proteção em caso de perda total.

Marcia finaliza reforçando a importância de registrar o ocorrido o máximo que puder antes de ligar para a seguradora. “Caso sua propriedade ou seu carro tenha sofrido devido aos fenômenos naturais e você precise acionar o seguro, não esqueça de registrar em imagens os danos sofridos e o fenômeno responsável pelos estragos, pois a prova facilitará o processo de ressarcimento das seguradoras”, esclarece.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anterior
Presidente do Clube dos Seguradores da Bahia participa do Encontro de Especialistas em Fortaleza, promovido pela Icatu
Fausto Dorea/ Foto: Divulgação

Presidente do Clube dos Seguradores da Bahia participa do Encontro de Especialistas em Fortaleza, promovido pela Icatu

O presidente do Clube dos Seguradores da Bahia, Fausto Dórea, vai participar de

Próximo
Instituto Brasileiro da Insolvência tem novo Embaixador
Alex Tocantins Matos/ Foto: Divulgação

Instituto Brasileiro da Insolvência tem novo Embaixador

O advogado Alex Tocantins Matos é o mais novo membro do renomado Instituto

Veja também