Recomeço aos 60: cinco estratégias para reinventar sua trajetória

Virgilio Marques dos Santos, sócio-fundador da FM2S Educação e Consultoria/ Foto: Isaque Martins
Virgilio Marques dos Santos, sócio-fundador da FM2S Educação e Consultoria/ Foto: Isaque Martins

Confira esse artigo de  Virgilio Marques do Santos, sócio-fundador da FM2S Educação e Consultoria (empresa-filha da Unicamp)

Atingir os 60 anos pode ser um momento de reflexão, mas também de reinvenção. Seja por necessidade ou por desejo de permanecer ativo e engajado, muitos profissionais nesta faixa etária se veem diante do desafio de se recolocar no mercado de trabalho. Neste novo capítulo, a experiência se une à sabedoria e, com as estratégias certas, as oportunidades são tão amplas quanto a sua disposição para abraçá-las. A seguir, explorarei cinco dicas valiosas para quem tem 60 anos ou mais e busca se reinventar profissionalmente.

1- Requalificação e aprendizado contínuo

A aprendizagem é um processo contínuo e, no atual mercado de trabalho, se manter atualizado é fundamental. Considere cursos que ofereçam habilidades complementares às suas experiências anteriores. Existem plataformas, inclusive gratuitas, para isso; elas podem ser excelentes recursos. Lembre-se, o aprendizado contínuo é uma demonstração de adaptabilidade e desejo de crescer, qualidades altamente valorizadas pelos empregadores.

É possível que algumas rotinas tenham mudado ao longo do tempo. Uma nova ferramenta, software ou aplicativo, se apresentados, poderão ser usados tranquilamente pela turma 60+. Ao contrário do jovem, os profissionais experientes costumam ter mais tempo e calma ao aprender.

2- Valorização e atualização da sua experiência

Sua trajetória profissional é um tesouro de conhecimento. No entanto, é crucial contextualizá-la de forma que ressoe com as necessidades atuais do mercado.

Atualize seu currículo e perfil no LinkedIn, destacando experiências que demonstram habilidades transferíveis, como liderança, gestão de conflitos e capacidade de adaptação. Além disso, enfatize sua disposição para trabalhar com tecnologias atuais e colaborar com equipes multigeracionais. Isso deixará claro como sua habilidade poderá ser útil para catalisar os demais colaboradores da empresa.

3- Networking: a rede de contatos é uma ponte para oportunidades

A força de sua rede de contatos pode ser um dos seus maiores ativos. Reative conexões antigas e estabeleça novas, participando de eventos relacionados à sua área, webinars e grupos de discussão online. Plataformas como o LinkedIn podem ser particularmente úteis para reconectar-se com antigos colegas e conhecer profissionais que compartilham interesses similares. Lembre-se, uma oportunidade pode surgir de onde menos se espera.

Abuse dos grupos de Whatsapp. Tenho certeza de que aquele grupo da faculdade, ou até mesmo do colégio, pode ser uma boa fonte de consulta e oportunidades.

4- Flexibilidade e abertura para novas possibilidades

Esteja aberto a diferentes tipos de oportunidades, incluindo trabalho remoto, freelancer, consultoria ou até iniciar um negócio. Essa flexibilidade pode abrir caminhos que você talvez não tenha considerado anteriormente. Além disso, muitas empresas valorizam a experiência e a maturidade que os profissionais mais velhos trazem para a mesa, especialmente em papéis que exigem habilidades interpessoais e tomadas de decisão.

Só evite promessas fáceis, os verdadeiros cantos de sereias. Muita gente, no ambiente virtual, se aproveita de quem não domina determinado assunto para prometer mundos e fundos. Evite. Faça como a máxima que o simples é melhor do que o complicado. E, a cada promessa, solicite provas. Mais importante: não arrisque o que não pode perder.

5- Apoio e uso de recursos disponíveis

Não hesite em buscar apoio. Muitas comunidades oferecem serviços de aconselhamento de carreira e workshops para profissionais mais velhos. Além disso, agências de emprego e consultores de carreira podem fornecer orientação personalizada e acesso a oportunidades que talvez não sejam amplamente anunciadas. Aproveite esses recursos para entender melhor o mercado atual e se posicionar de forma estratégica.

Aos 60 anos, a jornada profissional está longe de terminar. Na verdade, pode ser um começo emocionante para uma nova fase cheia de oportunidades. Com requalificação, valorização da experiência, networking, flexibilidade e apoio adequado, você pode transformar este momento em uma transição gratificante para um futuro profissional promissor.

Virgilio Marques dos Santos é um dos fundadores da FM2S, doutor, mestre e graduado em Engenharia Mecânica pela Unicamp e Master Black Belt pela mesma Universidade. Foi professor dos cursos de Black Belt, Green Belt e especialização em Gestão e Estratégia de Empresas da Unicamp, assim como de outras universidades e cursos de pós-graduação. Atuou como gerente de processos e melhoria em empresa de bebidas e foi um dos idealizadores do Desafio Unicamp de Inovação Tecnológica.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anterior
Sistema FENACON lança campanha Declare Certo 2024 com orientações do IRPF
Sistema FENACON lança campanha Declare Certo 2024 com orientações do IRPF/ Foto: Freepik

Sistema FENACON lança campanha Declare Certo 2024 com orientações do IRPF

Com slogan ‘Contador, o maestro da tributação’, ação visa sanar

Próximo
Add Value abre 15 vagas para áreas Administrativa, Comercial e Tecnologia
Thiago Spósito, sócio e CMO da Add Value/ Foto: Divulgação

Add Value abre 15 vagas para áreas Administrativa, Comercial e Tecnologia

Para candidatar-se às vagas, os interessados deverão enviar seu currículo até o

Veja também