Aplicativo que facilita compra e venda de gado cresce com bandeira do bem-estar animal

Aplicativo que facilita compra e venda de gado cresce com bandeira do bem-estar animal/ Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Plataforma CompreGados permite negociações sem a necessidade de submeter animais ao desgaste de feiras e leilões. Com mais de 16 mil usuários, empresa já transacionou R$ 1,6 bilhão

Desde seu lançamento, em 2019, o aplicativo CompreGados tem se consolidado como uma potência no agronegócio brasileiro, promovendo transações e conectando pecuaristas, agricultores e empresas do setor.

Facilitando o comércio de gado, a plataforma se destaca não apenas por sua eficácia, mas também pela abordagem sustentável, promovendo o bem-estar animal e a redução das emissões de poluentes – assuntos discutidos durante a Conferência das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (COP28), em Dubai, nos Emirados Árabes.

“O nosso foco é evitar o desgaste animal. Como fazemos isso? No leilão, por exemplo, você precisa transportar o gado em um caminhão. Já no aplicativo, você mesmo faz um vídeo do animal na propriedade e sobe para a plataforma. Ou seja, você não precisa mais transportar o gado até o leilão. Além de economizar com frete, o pecuarista evita o desgaste do animal”, afirma Ciro Thiago Neto, fundador do CompreGados.

Criado em meio às fazendas do interior de Goiás e São Paulo, Ciro combinou os ensinamentos do pai, um pecuarista experiente, com sua veia empreendedora, resultando no sucesso do CompreGados.

Inicialmente focado na conexão entre vendedores e compradores de gado, o aplicativo expandiu suas fronteiras para abranger todo o universo agro, incluindo a comercialização de propriedades rurais, aviões, insumos e maquinários agrícolas, atualmente contando com mais de 16 mil usuários.

“O futuro é a sustentabilidade. E o mundo online traz isso. A plataforma veio para curar uma dor. Quantas vezes mandei meu gado em um leilão, e o meu vizinho comprou. Gastei frete e paguei comissão para o meu vizinho comprar. Se fosse pelo aplicativo, era somente abrir a porteira e entregar o gado. Também tem a questão dos caminhões. A plataforma evita que muitos caminhões trafeguem longas distância sem necessidade, evitando mais emissões de gases”, diz Ciro.

Mudanças

Apesar de já ter transacionado a impressionante marca de R$ 1,6 bilhão e negociado mais de 800 mil animais, o CompreGados tinha, até então, o seu faturamento atrelado exclusivamente à comercialização de publicidades dentro da plataforma, gerando resultados modestos comparado ao tamanho e ao valuation que a empresa já havia alcançado.

Essa realidade, no entanto, irá mudar. A partir dos próximos meses, a plataforma vai começar a cobrar taxa para veiculação de anúncios. A expectativa (baseado nos dados e nas movimentações recorrentes no app) é negociar 10 mil anúncios em média por mês, o que deve trazer uma “receita nova” de mais de R$ 10 milhões ao ano.

Além disso, o empresário vem realizando reuniões com vários grupos financeiros interessados na parceria com a plataforma, que se, uma vez concretizada, poderá acrescer mais R$ 50 milhões ao faturamento anual da empresa.

“A ideia é que o CompreGados também passe a oferecer soluções financeiras a pecuaristas, agricultores e empresas do setor, com acesso a financiamentos, seguros, consórcio e custeio para seus investimentos no campo. Algumas conversas estão bem avançadas”, adianta Ciro.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anterior
Localiza Empresas Pesados expande portfólio da L&CO com frente de negócios voltada para aluguel de caminhões
Localiza Empresas Pesados expande portfólio da L&CO com frente de negócios voltada para aluguel de caminhões/ Foto: Unsplash

Localiza Empresas Pesados expande portfólio da L&CO com frente de negócios voltada para aluguel de caminhões

Segmento tem alto potencial de crescimento e é estratégico para a Companhia, com

Próximo
Generali anuncia plano de recompra de ações de 500 milhões de euros
Generali anuncia plano de recompra de ações de 500 milhões de euros/ Foto: Divulgação

Generali anuncia plano de recompra de ações de 500 milhões de euros

Plano de recompra de ações será submetido à Annual General Meeting (AGM) em

Veja também