Quinzena do Seguro

Conheça as principais tendências de inovação para 2023

Conheça as principais tendências de inovação para 2023 / Foto: ThisIsEngineering / Pexels
Foto: ThisIsEngineering / Pexels

FCamara aponta a importância de investir em inovação e elenca as tendências que têm sido mais comentadas e prometem revolucionar o setor

A inovação entre as organizações têm se tornado fator crucial para investimento nas empresas, pensando cada vez mais na visão de futuro e também, no acompanhamento da tecnologia que anda de mãos dadas com a inovação. Porém o Brasil ainda está em uma posição não tão considerável no ranking, atualmente, no 54º lugar segundo o ranking do Índice Global de Inovação, da Organização Mundial de Propriedade Intelectual (WIPO, na sigla em inglês).

“É preciso impulsionar e investir em tecnologia e inovação para se manter em alta dentro de um mercado competitivo, além é claro, de fazer com que sua empresa esteja à frente de grandes negócios, motivando e incentivando os colaboradores com o intraempreendedorismo, que gera como consequência, crescimento e credibilidade para a empresa”, comenta Laura Leme, especialista em inovação na FCamara, ecossistema de tecnologia e inovação que potencializa o futuro de negócios integrando visão estratégica com execução inteligente. A FCamara conquistou ainda mais espaço no mercado de inovação com o Imagine, plataforma de Gestão de Inovação, que conecta ideias dos colaboradores à estratégia do negócio, incentivando o intraempreendedorismo por meio da proposição e implementação de projetos. A solução funciona como uma rede social, em que colaboradores podem cadastrar ideias para serem avaliadas. Aquelas com maior potencial de retorno viram projetos, que são criados e gerenciados também na plataforma.

Aproveitando o embalo da entrada de um novo ano, onde a tecnologia e a inovação seguem em constante crescimento, a executiva trouxe as quatro principais tendências discutidas em grandes eventos de inovação em 2022, que já são tendência e evoluirão de forma grandiosa em 2023. Confira:

1 – Blockchain

Dentre algumas tendências para o setor, temos a tecnologia blockchain, que possibilita democratizar a internet, garantir segurança de dados e personalizar a experiência do usuário, entre outros usos, está cada vez mais em alta, se tornando uma grande tendência para 2023, e, com isso tecnologia e inovação são setores complementares, e os que mais crescem no mundo.

2 – Web3

Definida como “nova fase” da World Wide Web, ou Web 3.0, tem como premissa democratizar a internet e a economia, além de dar mais controle e transparência ao usuário, utilizando blockchain e inteligência artificial. “A Web3 promete mais privacidade e melhorias no armazenamento de dados, mas o principal fator é o empoderamento, o poder de usar a internet sem um meio, canal ou intermediador”, conta Laura.

3 – NFTs

NFT é a sigla em inglês para non-fungible token (token não fungível, na tradução para o português). São ativos digitais que representam objetos no mundo real. Eles existem para serem utility tokens, chaves que dão acesso a um ativo digital e garantem a propriedade sobre ele. Cada NFT é único e insubstituível, como uma obra de arte – só que registrada em blockchain.

4 – Metaverso 

Termo já conhecido e muito abordado em veículos de comunicação de todos os tipos, o metaverso vem para personalizar ainda mais a experiência do cliente, além de otimizar tempo. “Trata-se de uma réplica da realidade, usada por meio da tecnologia e do mundo digital. Também podemos falar em realidade virtual, ou aumentada”, explica Leme.

O ponto em comum

Tanto o metaverso como as NFTs dependem da tecnologia blockchain, seja para registro, construção ou negociação, e é através dele que as pessoas podem manusear seus dados do jeito que quiserem. Não há como dissociar o metaverso da Web3. O metaverso já utiliza a tecnologia de criptomoedas, dinheiro virtual inserido no universo dos games, na compra e venda de terrenos e imóveis, na customização de avatares e na oferta de bens e serviços virtuais, por exemplo As transações são autenticadas por meio da blockchain.

“Metaverso e Web3 são realmente grandes apostas para 2023. O fato é que fundos, aceleradoras, empresas e estúdios acreditam que são movimentos estruturantes e de longo prazo para uma economia que ainda vai se formar”, analisa Laura. “Outro ponto é que embora tenha muita coisa no mercado, ainda existem muitas discussões sobre como estamos realmente no início dos debates, discutindo experiência do usuário e segurança, dois fatores também muito importantes. Ou seja, essas tendências tendem a evoluir muito nesse ano, e as empresas de tecnologia e inovação precisam se atualizar e andar conforme a carruagem”, pontua a executiva.

Depois de tantos aprendizados e trocar em 2022, Laura Leme toma um próprio conselho para si. “Para esse e os próximos anos, é necessário evoluir o roadmap do nosso produto cada vez mais. Afinal, se a Alexa está com evolução de roadmap para se tornar um produto que proporcione uma experiência cada vez mais única, porque nós não estaríamos? E a gente acredita cada vez mais que estamos no caminho certo”, conclui.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Prev
Prudential do Brasil completa 25 anos de atuação no país
Patricia Freitas, nova CEO da Prudential do Brasil / Divulgação

Prudential do Brasil completa 25 anos de atuação no país

Seguradora comemora sólida trajetória de crescimento no Brasil, baseada no

Next
Proposta permite saque do FGTS para compra de carro novo ou usado

Proposta permite saque do FGTS para compra de carro novo ou usado

Billy Boss/Câmara dos Deputados Pedro Lucas Fernandes: a medida vai gerar

You May Also Like