Grupo Bradesco Seguros

EQI Investimentos quebra barreiras e conquista licença do BC para atuar como corretora de valores

Juliano Custódio, CEO da EQI Investimentos / Foto: Divulgação
Juliano Custódio, CEO da EQI Investimentos / Foto: Divulgação

Como plataforma de investimentos, empresa planeja alcançar R$ 150 bi sob custódia em cinco anos

A EQI Investimentos, uma das maiores assessorias de investimentos do Brasil e que é vinculada ao BTG Pactual, é a primeira do segmento a se tornar corretora de valores com a autorização do Banco Central. A nova plataforma de investimentos manterá o nome e vai iniciar suas operações hoje. A empresa já nasce com R$ 23 bilhões sob custódia, mais de 50 mil clientes ativos, 12 escritórios e mais de 2 mil produtos em sua prateleira. O time de assessores de investimentos da EQI passará a fazer parte da corretora, que somará quase mil profissionais ao todo.

Antes de obter o aval do BC, a assessoria de investimentos já captava, em média, R$ 1 bi mensalmente, abrindo mais de 4 mil novas contas por mês. A expectativa é que a plataforma alcance R$ 150 bi sob custódia em 5 anos, fechando 2023 com R$ 34 bi e 75 mil clientes ativos.

“Vamos democratizar os investimentos de verdade, oferecendo produtos mais sofisticados para o pequeno investidor pessoa física e para empresas de médio porte. Muitos players dizem que atendem o segmento de varejo, mas, na verdade, a maioria de seus clientes é composta por grandes fortunas e empresas que já têm acesso ao mercado de capitais”, explica Juliano Custodio, CEO da EQI Investimentos. A missão de democratização acontece desde o nascimento da empresa, fundada em Santa Catarina. E seu o foco de atuação não se concentrou apenas na Faria Lima, sempre se estendeu a outros Estados e praças.

O Grupo EQI passa a ser composto pela EQI Asset, que tem R$ 4 bi e mais de 45 fundos sob sua gestão, sendo que a área de Crédito Privado e Estruturado representa aproximadamente 50% do volume e o restante distribuído entre as estratégias de ações, multimercado, agro, alocações de ativos e alternativos.

A EQI Vida e Previdência, especializada em previdência, com mais de 10 mil clientes e R$ 1,7 bi em previdência. A área de seguros de vida e planejamento sucessório conta com mais de 4 mil clientes e R$ 300 milhões de capital segurado, além da área de consórcio que conta com mais de R$ 150 milhões em cartas de crédito.

Já a EQI Partners abrange serviços de M&A e DCM, assessorando empresas e acionistas em processos estratégicos. A empresa já liderou mais de 17 emissões nos setores de energia, agropecuária e imobiliário, tendo concedido mais de R$ 650 milhões em crédito.

A EQI Research, plataforma que ajuda os clientes da EQI a fazer as melhores escolhas na hora de investir. Liderada por Luís Moran e os analistas-chefes Luiz Cesta e Carolina Borges somam mais de 30 anos de experiência no mercado financeiro.

A partir de agora, a EQI Corretora tem permissão regulatória para conectar diretamente seus clientes aos melhores produtos de investimentos, além de ter a possibilidade de formatar seus próprios produtos financeiros. A EQI entende que há oportunidade para todos os players que estejam atentos às expectativas e demandas dos seus clientes e que a concorrência é saudável para o mercado.

Outro passo estratégico na expansão da companhia, será a possibilidade de ter escritórios de investimento conectados na sua bandeira. Empreendedores que buscam ser mais parecidos com a EQI e incorporar sua maneira de atender os clientes, absorver uma metodologia de negócios, formar assessores e crescer de maneira mais escalável.

Estão nos planos da recém-licenciada corretora manter o ritmo acelerado de crescimento, vislumbrando a abertura de capital por meio de uma oferta pública inicial (IPO). “Estamos sempre aproveitando os momentos de instabilidade e dificuldades do mercado para nos mantermos crescendo. Pilotamos muito bem na chuva e nova fase da corretora é apenas mais um dos crescimentos da companhia”, conclui Custódio.

Total
0
Shares
Anterior
Generali aprimora os negócios globais de gerenciamento de ativos com a aquisição da Conning
Philippe Donnet, CEO do Grupo Generali / Divulgação

Generali aprimora os negócios globais de gerenciamento de ativos com a aquisição da Conning

Trata-se de um dos maiores grupos de seguros do mundo

Próximo
BNP Paribas Cardif anuncia Fernanda Campos como nova Diretora Executiva de Recursos Humanos e ESG no Brasil
BNP Paribas Cardif anuncia Fernanda Campos como nova Diretora Executiva de Recursos Humanos e ESG no Brasil / Foto: Marek Levak / Pexels

BNP Paribas Cardif anuncia Fernanda Campos como nova Diretora Executiva de Recursos Humanos e ESG no Brasil

Executiva passa a compor o Comitê Executivo e será responsável pelas áreas de

Veja também