Líder do PDT defende mudanças na economia para estimular investimentos e empregos

Wesley Amaral/Câmara dos Deputados
Proposições Remanescentes do Dia Anterior. Dep. André Figueiredo PDT - Ce
André Figueiredo: “O Brasil parou nos últimos quatro anos"

O líder do PDT na Câmara dos Deputados, André Figueiredo (PDT-CE), afirmou que umas das prioridades do partido para este ano é debater mudanças na política econômica para estimular a retomada dos investimentos e dos empregos no País. Segundo ele, o Brasil “precisa voltar a ter um governo”.

“O PDT apoia a retomada de uma política econômica voltada para a redução das desigualdades e uma reforma tributária progressiva, onde quem ganha mais, paga mais, para que, consequentemente, nós possamos desonerar as atividades produtivas e fazer crescer a economia e o volume de empregos”, disse o líder.

“O Brasil parou nos últimos quatro anos, viu crescer as desigualdades, deixou as crianças desassistidas, principalmente em termos de educação, e recuou na cobertura vacinal contra doenças que, em tese, já estavam erradicadas. Enfim, vivenciamos um grande retrocesso nos últimos quatro anos”, acrescentou Figueiredo.

O líder do PDT lembrou ainda que, por ter apoiado o atual governo no segundo turno das eleições, acredita em um debate mais harmônico e democrático entre os Poderes – Executivo, Legislativo e Judiciário – nos próximos anos. “Para que os Poderes possam ser realmente harmônicos entre si e estejam constantemente vigiando e defendendo a democracia.”

Fim da polarização
Figueiredo também disse esperar que a polarização do período eleitoral não contamine os debates no Congresso Nacional. “Não é admissível que isso resulte em intolerância, em ódio e em agressões à democracia, como nós vimos no último dia 8 de janeiro. Estaremos prontos para debater com a oposição, de maneira respeitosa, aceitando as divergências, mas mostrando que o caminho que o Brasil precisa trilhar é bem diferente do escolhido nos últimos anos”, concluiu o deputado.

No quinto mandato de deputado federal, André Figueiredo já foi ministro das Comunicações durante o governo Dilma Rousseff, secretário executivo no Ministério do Trabalho e Emprego no segundo governo Lula e secretário estadual de Desenvolvimento Urbano (1994) e do Esporte e Juventude (2003-2004) no Ceará. Formado em Economia e em Direito, possui especialização em Comércio Exterior.

Artigo Original: Agência Câmara Notícias

Total
0
Shares
Prev
O TEMPO E A TEMPERATURA: Sexta-feira (10) com tempo nublado em toda a região Norte

O TEMPO E A TEMPERATURA: Sexta-feira (10) com tempo nublado em toda a região Norte

Tempo nublado com possível chuva e trovões isolados em todo o território do

Next
Bola assinada por Neymar e roubada durante os ataques golpistas é devolvida à Câmara

Bola assinada por Neymar e roubada durante os ataques golpistas é devolvida à Câmara

Pablo Valadares / Câmara dos Deputados Bola doada à Câmara pelo time do Santos,

Veja também