Porto registra lucro líquido recorrente recorde de R$ 555,6 milhões no 4º trimestre de 2022

Porto Seguro anuncia atualização do SOMA, plataforma de orçamentos para oficinas parceiras / Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Foi o maior resultado recorrente trimestral da história da companhia, com aumento de 87,6% em relação ao mesmo período do ano anterior

Os resultados da Porto no quarto trimestre de 2022 e no acumulado dos 12 meses do ano apresentaram forte aumento de receitas em todas as quatro verticais de negócios. Além disso, a companhia registrou o maior resultado recorrente trimestral da sua história, com crescimento de 87,6% em relação ao resultado recorrente do mesmo período do ano anterior.

No trimestre, o aumento do faturamento foi de 31,1% (vs. 4T21), atingindo R$ 7,9 bilhões. No acumulado do ano, a expansão foi de 29,5% (vs. 2021), resultando em uma receita de R$ 28 bilhões. As verticais registraram crescimento significativo no 4T22 (vs. 4T21): Porto Seguro (+26,7%), Porto Saúde (+35,1%) e Porto Seguro Bank (+21,1%) e Serviços (+36,5%).

Na Porto Seguro, vertical que responde pelos produtos e serviços de seguros da companhia, as receitas do trimestre aumentaram 26,7% (vs. 4T21), impulsionadas principalmente pelos seguros Auto, Empresarial e Vida. O Índice Combinado da Porto Seguro obteve bom desempenho, atingindo 89,6%, explicado principalmente pela melhor sinistralidade alcançada no ano nos seguros de Auto, Patrimonial e de Vida. A maior contribuição foi proveniente do Auto, que obteve uma melhora gradativa ao longo de 2022 — decorrente do aprimoramento na subscrição de riscos, recomposição tarifária e aumento no controle de sinistros.

Na vertical Porto Saúde, as receitas do trimestre aumentaram 35,1% (vs. 4T21), por conta da expansão de 38,6% nos prêmios do Seguro Saúde. O resultado foi alcançado, principalmente, em função do incremento de 64 mil vidas em comparação ao mesmo período do ano anterior, resultando em um total de 413 mil vidas. Ao longo do ano, a companhia avançou na ativação de corretores, nos investimentos em tecnologia e no aumento da exposição da marca.

A sinistralidade do Seguro Saúde no trimestre foi 2,7 p.p. maior do que no 4T21 em decorrência do aumento nas frequências, mas melhorou significativamente em relação ao 3T22 (-9,5 p.p.), decorrente do menor impacto de custos com a Covid-19 e da redução de internações, além das medidas de aprimoramento na subscrição e recomposição tarifária.

A vertical de negócios financeiros, representada pela marca Porto Bank, obteve aumento de receita na ordem de 21,1% (vs. 4T21), com ênfase para a expansão de 31,3% nas Operações de Crédito e ampliação de mais de 250 mil negócios, impulsionados principalmente pelo Cartão de Crédito, Consórcio e Fiança Locatícia.

Já no segmento de Serviços*, a companhia registrou crescimento de 36,5% (vs. 4T21). Destaque para a receita dos serviços avulsos, que foram alavancados pela elevação das receitas da Renova, Porto Assistência e assinaturas. No Carro por Assinatura, a Porto concentrou seu foco no aumento da eficiência operacional. Além disso, a Porto reforça suas parcerias estratégicas com o objetivo de gerar valor por meio da ampliação da oferta de serviços para novos públicos e segmentos.

O índice de eficiência operacional obteve uma melhora significativa de 1,2 p.p. no trimestre (vs. 4T21) e de 2,3 p.p. no ano (vs. 2021). Em 2022, as receitas cresceram três vezes mais do que as despesas administrativas, dando continuidade aos ganhos consistentes de produtividade observados nos últimos anos.

O retorno sobre as aplicações financeiras (ex-previdência) foi de R$ 255,1 milhões, o que representa uma rentabilidade equivalente a 71% do CDI. O resultado financeiro de R$ 205,6 milhões no 4T22 (+48,9% vs. 4T21) foi impactado principalmente pelo desempenho das alocações em títulos indexados à inflação e em renda variável.

E, mesmo diante de um ano desafiador, a rentabilidade sobre o patrimônio alcançada em 2022 manteve o histórico de ROAE na casa de dois dígitos, assim como em todos os anos desde a abertura de capital ocorrida em 2004, sustentada pela solidez e qualidade dos negócios. O lucro líquido foi de R$ 1.134,8 milhões no ano. O ROAE atingiu 11,4% e o ROAE ajustado foi de 12,8%.

Vale destacar ainda avanços importantes da companhia na agenda ASG. A Porto passa a ser signatária do Pacto Global da ONU. A companhia criou o programa Estação Consumo Consciente, lançou sua Plataforma de Sustentabilidade, conduziu o Projeto Agentes Socioambientais, realizou cerca de 120 campanhas de arrecadação de cunho social — resultando na doação de aproximadamente 200 mil itens para mais de 70 instituições em todo o Brasil e gerando 270 mil atendimentos. Mais recentemente, a Porto iniciou a operação da primeira ambulância elétrica do Brasil, totalizando 21 veículos elétricos em sua frota com o objetivo de reforçar sua responsabilidade em relação ao meio ambiente.

*Excluindo as receitas da Porto Assistência e CDF

Principais destaques (4T22 em comparação com 4T21):

  • Receita Total: R$ 7,884 milhões (+31,1%)
  • Receita Porto Seguro: R$ 5,285 milhões (+26,7%)
  • Receita Porto Bank: R$ 1,226 milhão (+21,1%)
  • Receita Porto Saúde: R$ 903 milhões (+35,1%)
  • Receita Serviços*: R$ 130 milhões (+36,5%)
  • Índice Combinado (Porto Seguro): 89,6% (-6,5 p.p.)
  • Resultado Financeiro: R$ 205,6 milhões
  • Lucro Líquido: R$ 555,6 milhões (+87,6%)
Total
0
Shares
Prev
Faturamento do Grupo Bradesco Seguros ultrapassa R$ 95 bilhões, alta de 16,7% em 2022
Faturamento do Grupo Bradesco Seguros ultrapassa R$ 95 bilhões, alta de 16,7% em 2022 / Foto: Reprodução

Faturamento do Grupo Bradesco Seguros ultrapassa R$ 95 bilhões, alta de 16,7% em 2022

Foram pagos R$ 48 bilhões em indenizações no acumulado do ano

Next
Fundo Nacional de Saúde faz gestão de cerca de 1 bilhão de recursos do SUS

Fundo Nacional de Saúde faz gestão de cerca de 1 bilhão de recursos do SUS

Toda vez que você buscar os serviços de saúde em qualquer unidade básica, postos

Veja também