Qual a frequência ideal para fazer check-up odontológico?

Tudo sobre serviços financeiros, seguros e muito mais - Universo do Seguro
Reprodução

Da última vez que você foi ao dentista, sua visita inicial foi programada porque você estava sentindo alguma dor ou algo do tipo?

Se a resposta for sim, é importante repensar a forma como está cuidando de sua saúde bucal. Isso porque o check-up odontológico precisa ser feito de tempos em tempos de forma preventiva, independentemente da manifestação de algum problema.

Neste texto, você vai saber qual a frequência recomendada para essas visitas, quais procedimentos são realizados e porquê elas são tão importantes. Confira!

O que é check-up odontológico?

O check-up odontológico é uma avaliação completa da boca do paciente em busca de qualquer problema.

Durante a consulta, o profissional avaliará os dentes, gengivas, bochechas e língua e poderá indicar os melhores tratamentos caso alguma anomalia seja identificada.

Esse tipo de exame físico costuma ser rápido, não ultrapassando 30 minutos. O dentista também perguntará se o paciente tem alguma reclamação a relatar.

Caso existam suspeitas de problemas que não podem ser detectados por uma observação visual, pois estão atingindo estruturas internas, o profissional irá solicitar uma radiografia para uma observação aprofundada.

Alguns consultórios realizam também o check-up odontológico digital, em que o dentista usa uma câmera intraoral que é capaz de aumentar o tamanho do dente em até 60 vezes. Dessa forma, é possível fazer uma observação mais cuidadosa de cada dente.

Os benefícios do check-up odontológico digital são os seguintes:

  • Permite a identificação de problemas invisíveis em uma observação normal;
  • Ajuda o profissional a ter mais clareza na hora de pedir exames complementares;
  • Permite que o próprio paciente veja a situação em uma tela à sua frente, assim o dentista pode ir explicando se houver algum problema.

Por que é importante fazer um check-up no dentista?

O check-up odontológico é fundamental para verificar a saúde de sua boca de forma geral. Nesse sentido, podemos destacar alguns motivos para fazer o check-up odontológico de forma periódica:

Prevenir problemas mais graves

Muitas pessoas só vão ao dentista quando sentem dor de dente ou identificam algum problema. Mas isso é um erro, já que várias doenças bucais não apresentam qualquer sintoma em sua fase inicial.

Assim, o check-up de rotina ajuda a identificar essas condições antes que se desenvolvam completamente, o que possibilita um tratamento mais rápido, com menos dor e mais barato.

Por exemplo, uma cárie descoberta logo no início de sua formação é retirada em um procedimento simples, sem tantos incômodos e por um valor bem inferior ao cobrado quando ela já se espalhou.

Realização de procedimentos de rotina

Mesmo que nenhum problema seja identificado, no check-up o dentista pode recomendar uma limpeza e a aplicação de flúor para a manutenção da saúde bucal.

Início de tratamentos

Quando há doenças já instaladas em sua boca, o check-up é o primeiro passo para o início do tratamento em consultas posteriores.

Durante o atendimento inicial, é possível identificar problemas como tártaro, placa bacteriana, cáries, gengivite e outros.

Receber instruções para cuidar de sua saúde bucal

Durante o check-up o dentista pode passar instruções para a melhora da higiene bucal, além de recomendar os melhores produtos para manter sua boca sempre limpa.

Acompanhamento do desgaste

Ao longo da vida é comum que os dentes sofram algum desgaste. Mas, se você faz check-ups periódicos, o profissional pode acompanhar essa evolução e sugerir medidas para evitar danos à estrutura dos dentes.

Prevenção de problemas cardíacos

Não, você não entendeu errado. Sua visita ao dentista ajuda a prevenir problemas que vão muito além da boca.

Quando a gengivite não é tratada, o quadro evolui para a doença periodontal, que está associada a algumas bactérias. Elas podem se fixar em vasos sanguíneos e contribuir para doenças cardiovasculares e AVC.

Confirmando essa afirmação, a Anvisa Agência Nacional de Vigilância Sanitária) recomenda o tratamento odontológico para pacientes cardíacos que vão se submeter a cirurgias.

Quais procedimentos podem ser feitos em um check-up?

Além da avaliação completa da região da boca, o dentista pode aproveitar o momento do check-up para fazer alguns procedimentos importantes, como:

  • Limpeza utilizando pasta especial e bicarbonato de sódio. Além de eliminar restos de alimentos, esse processo deixa o sorriso um pouco mais claro e bonito;
  • Aplicação de flúor para fortalecer os dentes;
  • Caso sejam identificadas placas bacterianas ou tártaro, o profissional realiza a limpeza dessas impurezas por meio da raspagem.

Qual a frequência ideal para fazer check-up odontológico?

De maneira geral, é recomendado que a pessoa visite o dentista de 6 em 6 meses, mesmo que não note nenhum problema. Afinal, o check-up preventivo odontológico tem como objetivo detectar algumas condições ainda em seu início.

Contudo, esse intervalo de tempo não é uma regra geral. Dependendo da indicação do próprio dentista, a próxima visita pode ocorrer em mais ou menos tempo.

Por exemplo, se a pessoa tem um histórico de muitos problemas odontológicos, seus dentes estão fracos e ela tem dificuldades para manter uma boa higiene bucal, o próximo check-up pode ser marcado em 3 ou 4 meses.

Mas, se a saúde bucal do paciente é muito boa e ele sempre toma os cuidados necessários, é possível que a recomendação para a próxima visita exceda os 6 meses.

Os cuidados com a sua boca devem ser constantes

Escove os dentes diariamente, passe fio dental e use enxaguante. Essas pequenas atitudes vão tornar o seu check-up odontológico mais tranquilo, já que vai haver menos problemas para serem tratados.

Os cuidados constantes com sua boca vão gerar economia no futuro e impedir o desenvolvimento de algumas doenças graves que não se restringem a essa região. Afinal, a falta de higiene bucal pode ocasionar até problemas cardíacos.

Diante de tudo isso, você com certeza não vai querer perder o próximo check-up. Para ter acesso aos melhores profissionais e aos melhores tratamentos com agendamento simplificado, conheça os planos odontológicos da Unimed!

Posts relacionados O que é a cárie de radiação, como pode ser tratada e prevenida mulher careca, paciente de quimioterapia, sorrindo para a foto com os braços na frente do colo, capa do conteúdo sobre cárie de radiação

A cárie é uma doença comum, principalmente quando consumimos muitos alimentos ricos em açúcar e não fazemos uma higiene bucal Leia mais

Férias: saiba como cuidar da saúde bucal das crianças

As férias escolares se aproximam! Assim como as festas de final de ano. Todos recheados de gostosuras e guloseimas deliciosas. Leia mais

O post Qual a frequência ideal para fazer check-up odontológico? apareceu primeiro em Blog da Seguros Unimed.

Via: Seguros Unimed

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anterior
MP transfere Coaf de volta para o Ministério da Fazenda

MP transfere Coaf de volta para o Ministério da Fazenda

Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil Ministro da Fazenda, Fernando Haddad Foi

Próximo
Como prevenir o infarto melhorando sua qualidade de vida?
Tudo sobre serviços financeiros, seguros e muito mais - Universo do Seguro

Como prevenir o infarto melhorando sua qualidade de vida?

O infarto, popularmente conhecido como ataque cardíaco, ocorre quando o fluxo

Veja também