Quinzena do Seguro

Sérgio Ribeiro elenca principais tendências ESG para 2023

Sérgio Ribeiro elenca principais tendências ESG para 2023 / Foto: Singkham / Pexels
Foto: Singkham / Pexels

Sustentabilidade apresenta novas tendências em 2023; confira na coluna inédita

Sabemos que o setor de seguros vive passando por diversas transformações e com isso para este ano o mercado conta com quatro tendências de sustentabilidade.

O número de empresas da indústria que leva em consideração as questões ambientais, sociais e de governança (ASG) no desenvolvimento de produtos e serviços vem crescendo exponencialmente e isso veio de um reflexo do compromisso das organizações com a segurança para a população principalmente.

Além disso, outras questões estão sendo cada vez mais pautadas e são cruciais para que a sustentabilidade seja um grande foco em 2023, especificamente, considerando as mudanças dos padrões do clima que acabaram gerando grandes oportunidades de negócios.

Confira algumas das novas tendências:

  1. Oficinas sustentáveis: As seguradoras devem ampliar, no dia a dia, o trabalho com parceiros que priorizem e incorporem ações ambientalmente no desempenho de suas atividades. P. ex. As oficinas de automóveis que adotam procedimentos de descarte sustentáveis, reutilização da água, redução no consumo de luz elétrica e utilização de insumos de baixo impacto ambiental.
  2. Outro ponto observado pelas Companhias em sua política de subscrição e contratos com fornecedores versa sobre as empresas que operam combustíveis fósseis, e que mantenham com seus funcionários relações análogas ao trabalho escravo.  
  3. Descarte de resíduos e logística reversa: Mais que consertar avarias ou repor bens danificados e cobertos pelo seguro residencial, a tendência é que as seguradoras também se responsabilizem pela destinação correta desses itens. Já em prática, algumas iniciativas incluem o contato com os segurados para o agendamento e retirada dos equipamentos em desuso. Após a coleta, os objetos são separados e encaminhados a cooperativas, diminuindo o impacto ao meio ambiente. O chamado descarte ecológico é algo que as Companhias estão investindo muito.  
  4. Finanças sustentáveis: Diante da crescente demanda por investimentos que conciliem retorno financeiro com práticas sustentáveis, diversos instrumentos financeiros, como os títulos green bonds, vêm sendo criados com o objetivo de financiar projetos reconhecidamente verdes e de impacto social positivo.  
  5. Seguro RC Ambiental: A crescente preocupação com o meio ambiente e, principalmente, com a responsabilização por eventuais danos e prejuízos causados por operações empresariais tem colocado um holofote especial no Seguro de Responsabilidade Civil Ambiental. 
  6. O seguro de vida entra em evidência como item de sustentabilidade economia, social das famílias, cidadãos e empresas e também vem sendo deveras explorado no mercado, sobretudo, no processo de comunicação destacando a sua característica essencial incutida nos produtos que garante a manutenção financeira dos segurados e beneficiários em caso de sinistros. 
  7. Condições especiais, serviços e assistências para fornecedores e clientes adeptos aos sistemas de energias renováveis estão em evidência e expansão. 
  8. Já para o desenvolvimento de novos produtos as questões de governança aplicada na subscrição à vista das questões legais, regulatórias, compliance estão em evidências.

No ambiente interno das Companhias, elas estão focadas em promover uma Política Pessoal efetiva que vão além das formalizações como p. ex. Código de Ética e Disciplina. A transparência e congruência entre as declarações prestadas e as práticas realizadas devem ser observadas e corrigidas, quando necessário de forma a garantir a credibilidade dos programas.  

Tendem a buscar meios todos os meios possíveis para promover um clima saudável, tendo como principal pilar o respeito, a inclusão e desenvolvimento social.

O Combate efetivo aos ambientes tóxicos sejam eles psicológicos, assédio moral, físicos e ações discriminatórias adotando políticas concretas para inibição de tais condutas.

De outro lado, investindo muito na Saúde, Qualidade de Vida dos Funcionários que vai mito além da disponibilização do plano de saúde, vida, mas sim, dando condições e incentivando muitos programas que cuidem e auxiliem a saúde física e mental dos colaboradores com extensão aos seus familiares.

Por fim, criar estruturas para desenvolvendo e acompanhamentos dos processos, metodologias, metas e métricas são fundamentais para ampliação dos resultados pretendidos nas organizações.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Prev
Análise de dados na colheita pode ser o diferencial no planejamento do agricultor para a próxima safra
Análise de dados na colheita pode ser o diferencial no planejamento do agricultor para a próxima safra / Foto: Divulgação

Análise de dados na colheita pode ser o diferencial no planejamento do agricultor para a próxima safra

Ferramentas digitais avaliam desempenho das lavouras antes mesmo do término da

Next
Piero Franceschi assume como novo CEO na StartSe; Junior Borneli, fundador da empresa, passa a ser porta-voz institucional
Piero Franceschi e Junior Borneli, executivos da StartSe / Divulgação

Piero Franceschi assume como novo CEO na StartSe; Junior Borneli, fundador da empresa, passa a ser porta-voz institucional

Escola internacional de negócios dobrou base de clientes e faturamento em 2022,

You May Also Like